Os desafios na educação das crianças na era digital

A pandemia impôs às sociedades globais novos comportamentos, formas e hábitos. Não houve tempo para checar disponibilidade, o imaginário se tornou real. Muito diferente de doenças em escala globais que antecederam a COVID19, desta vez, os avanços tecnológicos possibilitam oportunidades desconhecidas ou inacessíveis antes, como por exemplo o acesso à educação remota.

Por meio de celulares, computadores, tablets e notebooks com acesso à internet, foi possível adequar realidades que antes eram prioritariamente físicas. A migração para o virtual, portanto, mostrou-se inevitável para o período.

Posto isso, e na realidade encontrada no Brasil, seguimos por um caminho de oportunidades para que aos pais se preparem e estejam cada vez mais adaptados a um modelo de educação dos filhos, nesta que já é a era mais conectada de todos os tempos.

Oportunidade na Tecnologia
O desenvolvimento das tecnologias como aliadas da educação já é um fato. Os recursos visuais, games de aprendizado, aulas online, e tantas outras aplicações, aplicam-se ao compromisso social de tornar crianças e adolescentes em cidadãos críticos e prontos para liderar o futuro. Todas essas possibilidades são uma realidade aqui no Colégio Pedro e Rafael, onde durante o período em que as escolas estiveram fechadas ou até com restrição de capacidade, eles continuaram sendo assistidos online pelos professores e não interromperam o aprendizado.

Com o retorno das atividades presenciais, no entanto, as tecnologias não deixaram de fazer parte do desenvolvimento das crianças. Em sala, por exemplo, elas criam projetos e diferentes soluções a partir das aulas de Robótica desde o 1º ano do Ensino Fundamental. Por meio da sala Google, espaço criado para que os estudantes aprendam a se conectar de forma efetiva e segura na internet, eles também aproveitam todas as oportunidades de forma integrada à rede.

 

Compartilhe essa História

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Confira outros conteúdos...