O que fazer para perder a timidez em apresentações de escola?

Apresentar um trabalho em grupo ou individual para a toda sala pode parecer uma tarefa fácil, entretanto, para muitos alunos com um elevado nível de timidez, tornar-se o centro das atenções é um momento terrível. Na maioria dos casos a pessoa tímida começa a sofrer com antecedência, resultando em noites mal dormidas, ansiedade e nervosismo, mas o fato é que isso não precisa ser um problema, você pode encarar essas situações como novos desafios ou oportunidades de melhorar a sua capacidade de comunicação.

Uma dica muito importante nessa hora é praticar bastante, ter o total domínio do que está expondo é fundamental, como em várias outras situações do cotidiano, quanto mais você pratica, mais hábil você fica. Opte por estudar a fundo o assunto e aos poucos ir construindo um roteiro do que deseja falar, ficando livre também para usar a criatividade, usar ilustrações ou exemplos de situações corriqueiras, trazendo a apresentação para uma realidade próxima, essas são algumas opções que ajudam a quebrar a barreira da timidez.

É preciso exercitar a autoconfiança, para que o conflito com a timidez não tome uma proporção maior do que deve ter. De acordo com especialistas essa questão é gerada devido a três excessos: o excesso de autoconsciência, pois você está prestando muita atenção em si, em especial nas situações sociais; o excesso de autoavaliação negativa, já que se vê negativamente e o excesso de autopreocupação, que é quando se presta atenção demais nas coisas supostamente feitas de maneira errada por você.

Os educadores do Colégio Pedro e Rafael, em Campinas | SP ensinam os alunos a reconhecerem suas qualidades, esse comportamento eleva a autoestima e pode acabar com o medo de falar em público.

Apresentar um trabalho em sala de aula não precisa ser uma situação de desconforto. Nossa dica é que você se prepare para que o corpo e pensamentos sejam seus aliados.

Confira algumas dicas que podem ajudar durante a apresentação:

  • Domine o assunto a ser apresentando, criando tópicos para buscar referências;
  • Fale de forma clara e em bom tom, simplifique para que não haja ruídos na comunicação;
  • Determine um tempo para a apresentação, se for preciso ensaie em casa;
  • Olha diretamente para as pessoas para que transmita confiança, fuja dos colegas que de alguma forma lhe tiram a atenção;
  • Apresente algo de acordo com suas características, não tente fazer algo que não tem a ver com você;
  • Ao final da apresentação enfatize os principais pontos apresentados e esclareça possíveis dúvidas que podem surgir.

Aquele friozinho na barriga será sempre inevitável, vale destacar que é você que tem o domínio da situação, aprimore seus conhecimentos e observe que falar em público não será mais motivo de pânico. Lembre-se que na maioria dos casos você fará uma apresentação de um assunto no qual você estudou e os outros não, tenha isso em mente e confie mais em você.

Compartilhe essa História

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Confira outros conteúdos...

Adolescência

Você é um “cringe”?

Há semanas a palavra “cringe” apareceu com muita frequência nas redes sociais e ganhou força no rol do vocabulário digital. Embora haja discussões sobre a

Contine Lendo »
Podcast

Podcast Ensino Remoto

Nossas aulas remotas continuam e para mantermos a qualidade de ensino é importante contar com profissionais preparados e as melhores ferramentas online. Neste Podcast com

Contine Lendo »